Brinquedos clássicos e divertidos
Sucessos que atravessam gerações!

Todo mundo adora recordar a infância e lembrar de um brinquedo querido. Os fabricantes lançam muitas novidades todos os anos, com o avanço da tecnologia, mas alguns clássicos permanecem.

Conheça alguns desses brinquedos queridos que ainda fazem sucesso nos dias de hoje:

Bonecas – Provavelmente um dos primeiros brinquedos inventados, as bonecas acompanham a história da civilização. Um símbolo da preparação da mulher para a maternidade, elas podem ser feitas de materiais diferentes, e são usadas até mesmo para compreender certos períodos históricos. Mesmo nos dias de hoje, meninos e meninas adoram receber bonecas e action figures de presente que oferecem, além da aparência, certas funções que aumentam a interatividade com o brinquedo e proporcionam bons momentos de imaginação para a criança, como as frases pré-gravadas e os movimentos.
Autorama – inventado no início do século 20, trata-se de uma variação dos ferroramas (trenzinhos elétricos em miniatura) com uma réplica de um famoso carro de corrida.  O hobby ganhou milhares de adeptos ao longo dos anos, sendo trazido para o Brasil nos anos 60. Logo em seguida, a Estrela licenciou o brinquedo e passou a produzí-lo em território nacional. A estética do Autorama que encontramos hoje nas lojas é caprichada nos mínimos detalhes, simulando o ambiente de uma corrida de Fórmula 1.
Cavalinhos - Antes mesmo dos triciclos e dos modernos miniveículos, as crianças deliravam com brinquedos que  fizessem sua imaginação voar para diferentes lugares. Com a popularização de filmes de faroeste no século XX, os cavalinhos de mentira – caseiros ou fabricados – ganharam um espaço nos corações dos pequenos. Hoje em dia, embora existam outros tipos de brinquedos que realmente levam a criança para algum lugar, os cavalinhos ainda fazem sucesso em diferentes formas e cores.
Bola – Também um brinquedo bastante antigo, a bola está presente nas tradições das civilizações précolombianas e também de povos da antiguidade clássica. São diversas as brincadeiras e esportes que podem ser praticados, sendo um brinquedo bastante versátil, e praticamente indispensável para crianças de todas as idades e épocas.
Futebol de mesa ou “botão” - um jogo 100% nacional, foi criado no início do século XX e era, originalmente, jogado com botões de roupa – por isso o nome. Com o passar dos anos, se popularizou em todo o país e até mesmo no exterior. Atualmente, é possível encontrar mesas que reproduzem de forma fiel um campo de futebol tradicional, e os botões são elaborados em diferentes materiais, mostrando o símbolo de um determinado time. Por ser também apreciado por adultos, o futebol de mesa costuma ser uma brincadeira que une avós, pais e filhos.
Damas – um jogo de origem incerta, os primeiros tabuleiros foram encontrados em ruínas do Antigo Egito, ganhando a Europa durante a Idade Média. No Brasil, o jogo de Damas foi introduzido como esporte nos anos 40, caindo também no gosto da garotada. Não é à toa que até hoje o jogo é desejado por crianças, sendo um excelente passatempo para exercitar o raciocínio.

Bichinhos de pelúcia – o primeiro urso de pelúcia foi inventado nos Estados Unidos, no século 19.  Conhecidos como Teddy Bears pelos americanos, o nome se deve a uma homenagem a Theodore Roosevelt, presidente do país que teria se recusado a participar de uma caçada de ursos.

Videogames – Apesar de representarem o que há de mais moderno na indústria de brinquedos, os videogames também podem ser considerados brinquedos clássicos nos dias de hoje. O primeiro console de videogame foi criado em 1972 pela fabricante Magnavox, baseada em um projeto que existia desde 1951. Esse primeiro videogame vinha com 12 jogos diferentes, que iriam inspirar o lançamento do famoso Pong pela Atari, no mesmo ano. Até hoje, os videogames que conhecemos e compramos se inspiram em conceitos criados nesta época, como o uso de mídias removíveis (cartuchos) e da TV como monitor.

Presenteie seus filhos com brinquedos que fazem sucesso em todas as gerações