Computador como identificar o ideal
Confira as dicas e escolha o computador que melhor se adequa às suas necessidades

Gente, hoje a dica é quente: vou ensinar você a escolher o melhor micro para a sua necessidade. Ah, sim, acho que nem precisa lembrar que , em primeiro lugar, não existe o computador ideal por si só. O que existe, na verdade, é aquele que melhor se adapta ao seu orçamento e às suas necessidades! E, claro, trabalhando com o sistema operacional e programas que você domina. Certo? Então vamos lá!

Mesmo assim a variedade de modelos, preços e acessórios impressiona, não é mesmo? Eu que trabalho com isso, às vezes tenho que olhar com calma todas as informações! Mas, calma que as dicas a seguir tem o selo Lu de qualidade! #podeconfiar! ´

Primeiro passo: compare sua máquina com o mercado!

Sabe a primeira coisa que você deve fazer? Um exercício de comparação! Compare sua máquina atual com a configuração padrão de mercado e veja se ela ainda é a melhor opção para as suas necessidades de hoje em dia.

Fique atento a alguns detalhes bem importantes, como o tempo que o Windows demora para carregar. Caso esse período ultrapasse cinco minutos, ou você não consiga abrir dois programas ao mesmo tempo, é indicado o aumento de memória RAM em seu próximo computador.

Preste atenção também na configuração de sua máquina. Micros antigos  não se dão bem com vários programas abertos. Você pode até formatar seu HD, mas, mais cedo do que você imagina os arquivos temporários gerados por este tipo de programa podem travar novamente. Se isso persistir, é bem possível que o seu PC já não seja o indicado para levar a cabo as operações que você necessita. Ou seja, tá na hora de trocar, mesmo!

Outro problema comum é a dificuldade para navegar na internet. Mesmo que o seu computador esteja funcionando bem, faça um teste acessando sites atuais. Em seguida, tente assistir a vídeos e baixar suas músicas preferidas. Se sua máquina não "der conta" das informações que chegam, é um sinal importante de que talvez seu computador já não funcione como antes.

Viu só como o que conta são as necessidades de utilização e não só a configuração em si? Fique atento a isso!

Ok, mas como faço para escolher o novo computador? Uma excelente forma de fazer uma boa troca é conhecer a função das principais partes integrantes do seu micro. Vamos lá? Eu explico!

- Memória RAM (Random Access Memory): é ela que dá ao micro a velocidade na busca por informações de momento, ou seja, a memória RAM é que possibilita que o computador grave informações para serem utilizadas naquela hora. Ela consiste num sistema de armazenamento de dados com acesso aleatório, ou seja, a informação arquivada pode ser alcançada a qualquer momento, independente da sua localização. Quanto maior a memória RAM, maior a velocidade de acesso aos dados do jogo (modelos, texturas, animações).

- Processador: considerado o cérebro do computador, o processador é o circuito responsável pela execução dos comandos fornecidos ao micro. Existem séries de processadores com características próprias para a execução de tarefas mais complexas, como programas de processamento de imagens, áudio e games.

- Placa de vídeo: capacidade de reproduzir imagens, vídeos e animações rapidamente e com alta resolução vem da placa de vídeo. Existem placas com capacidade de resolução de até 2560 x 1600 pixels, mas isso exige que os demais componentes do micro sejam igualmente potentes, além de um bom monitor. Ah sim, não se esqueça de que TODO O CONJUNTO precisa ser compatível com as novas tecnologias de vídeo digital: porta para cabos HDMI e/ou DVI e aceleração 3D são itens importantes.

- Disco rígido (HD): este você conhece. É o disco no qual você roda as informações e grava seus arquivos. Embora no mercado você possa encontrar discos com até 1 TB (terabyte) de espaço, deve ficar atento também à velocidade de acesso.

- Teclado: letras, números e setas não são suficientes para os que viram a noite jogando no micro. A turma precisa e quer mais! Nesse quesito duas novidades podem favorecer o desempenho do usuário: teclas que acendem e uma ‘máscara’ que facilita o acesso às teclas de atalho do jogo. O principal é a facilidade de configuração do teclado, seu design ergonômico e a velocidade de resposta aos comandos. Teclados para games são mais caros do que o padrão, mas compensam na hora de completar aquela fase mais difícil.

- Sistema operacional: indispensável para o funcionamento do computador, o sistema operacional é utilizado para controlar as tarefas executadas pelo micro, gerenciando seus recursos a fim de aprimorar seu desempenho. Os mais comuns são o atual Windows 8, embora você ainda encontre versões com o Windows 7 e até mesmo com o Linux.

- Placa de áudio: como o nome sugere, é o item responsável pelo gerenciamento e transmissão do áudio. O raciocínio é bem semelhante ao da placa de vídeo: existem as integradas à placa e às off-board, com características mais avançadas!

Resumindo: pense em sua necessidade, compare sua máquina com o que o mercado oferece e compre uma máquina que será uma ferramenta útil, rápida e compatível com os programas e games da atual geração!