Alimentos e Bebidas
Bem Estar
Casa e Decoração
Especiais da Lu
Estilo de Vida
Tecnologia

Como lidar com a obesidade em pets

Como lidar com a obesidade em pets

Como lidar com a obesidade em animais de estimação? Descubra neste post as melhores dicas para manter seu pet saudável e feliz.

Cachorros

Atualizado em 14 Mai 24

4 min de leitura

Gente, quem tem um animal de estimação sabe da importância que é a alimentação dos bichinhos, né? Por isso, vale a pena colocar a ração na quantidade e hora certinhas, por mais difícil que seja resistir àquela carinha de pidão ou pidona que a maioria deles faz. É que os exageros causam obesidade e podem atrapalhar a saúde do animalzinho. O bom é contar com tratamento e acompanhamento veterinário pra entender tudo direitinho. Vem comigo saber mais sobre isso!

 

O que é obesidade em pets?

Olha, a obesidade em pets é uma questão de saúde séria, assim como pros humanos, tá? Ela é um acúmulo maior de gordura no corpinho do animal, deixando ele com um peso acima do ideal pra a sua espécie, raça e porte. 

 

As causas da obesidade em pets podem ir desde uma dieta errada, falta de exercício, genética, e até mesmo o estilo de vida sedentário dos tutores. Por isso, é fundamental que o cãozinho saia todos os dias pra um passeio e corrida, assim como o gato deve ter um espaço cheio de atividades dentro de casa!

 

Uma dieta rica em calorias, alimentos processados, guloseimas em excesso e alimentação  errada leva rapidinho a um ganho de peso em animais de estimação. Além disso, bichinhos obesos têm mais chances de desenvolverem diabetes, doenças cardíacas, problemas articulares e respiratórios, com uma diminuição na expectativa de vida!

 

Então, vale reforçar que a prevenção e o tratamento da obesidade em pets exige um compromisso por parte dos tutores, pra dar uma alimentação correta, saudável e balanceada, saber qual a ração ideal, bem como os exercícios certos pras necessidades do animal. 

 

Ah, e idas ao veterinário ajudam a monitorar o peso e a saúde do pet, combinado?

 

Esse playground pra gato é a pedida certa pra fazer ele se exercitar em casa

 

Quais são os riscos da obesidade em animais de estimação?

Além dos riscos que eu já te contei, a obesidade animal é uma porta de entrada pra doenças articulares e problemas respiratórios. Sem falar que os quilos extras podem impactar na mobilidade do animal, deixando o pet menos ativo!

 

Outro ponto importante pra ter em mente é que a obesidade costuma afetar a qualidade de vida emocional do cão ou gato, por exemplo. Animais obesos geralmente desenvolvem depressão e ansiedade, já que passam a fazer menos exercícios. 

 

Além dos impactos na saúde física e emocional do seu animal, a obesidade traz custos financeiros altos, sabia? Pois é! Só pra ter uma ideia, o tratamento, consultas, idas à farmácia pet pra medicamentos, além de possíveis cirurgias, podem afetar o orçamento da família. E muitas vezes você nem tá esperando por isso.

 

Pra prevenir, é fundamental que desde que o seu companheirinho chegue em casa, ele conte com uma dieta equilibrada, com o consumo de frutas e legumes, tá? Além disso, ração fórmula natural ajuda bastante, sem falar que se chama natural justamente por não trazer ingredientes como conservantes. Amei!

 

Ah, atenção redobrada aos alimentos que os pets não podem comer. Tem ingredientes que são proibidos, como uvas e chocolate. Fale com o veterinário, tá?

 

Essa ração com fórmula natural vem reforçada pra tirar o tártaro dos dentes também

 

Como tratar a obesidade em animais de estimação? 

Pra começar, muitas vezes é preciso trocar a ração pra cachorro, por exemplo, pra um tipo de ração light. Isso vale também pros gatinhos. Outra dica é tentar sempre que possível apostar numa ração hipoalergênica, que é um detalhe extra que faz toda a diferença no tratamento da obesidade, viu?

 

O segundo passo é reconhecer o problema. Os tutores devem tá cientes dos sinais de excesso de peso, como dificuldade em se mover, respiração pesada, falta de energia e dificuldade em realizar atividades físicas. Daí o veterinário entra em ação pra criar um plano de tratamento personalizado!

 

É bom ainda diminuir ou acabar com os petiscos entre as refeições. Sim, essa pode ser uma das tarefas mais difíceis, principalmente pela carinha que eles fazem, mas vale destacar que é apenas por um período. Depois que tudo voltar ao normal, esses lanchinhos são liberados de novo, mas com moderação, né?

 

Além da alimentação, o aumento das atividades físicas é um aliado pra combater a obesidade. Isso inclui passeios, brincadeiras e novos tipos de exercícios, como natação ou corrida. Mas, atenção: é importante começar devagar e aumentar a intensidade de pouco em pouco pra evitar lesões!

 

Esse lançador de bolinhas é ideal pra jogar bem longe o brinquedo pro pet correr

 

Cuidados com a obesidade em pets

Olha, tem um cuidado no tratamento diário com a saúde dos pets que vale a pena investir: o suplemento pra cachorro

 

Ele conta com várias vitaminas e minerais que muitas vezes não tão na dieta do seu cãozinho, deixando ele sem proteção contra algumas doenças, viu? O bom é que alguns tipos vão facilmente como acompanhamento das refeições. Dá pra encontrar também as versões pros felinos.

 

Além disso, respeite o tempo do tratamento. Ou seja, nada de querer acelerar a perda de peso do seu pet aumentando os exercícios fora aqueles já pedidos pelo veterinário. Também é importante seguir à risca a dieta, a quantidade de comida, o tempo de passeio e as atividades que foram indicados.

 

E se na sua casa tiver outros animais que tão com a saúde em dia, uma dica é separar o espaço onde eles comem e onde fica armazenada a ração. Afinal, a ração vai tá diferente, e o odor talvez deixe o pet com obesidade querendo comer dos demais. Ninguém quer brigas, hein?

 

Ah, toda vez que o cão, cadela, gato ou gatinha perderem um quilo, ou mesmo alguns, é bom comemorar! Mesmo que eles não entendam o que tá se passando, dê um passeio maior, brinque com um brinquedo novo, estimule o animal a aproveitar um momento de prazer e celebração junto com você. Aí sim, hein?

 

Esse brinquedo halter de borracha é uma alternativa divertida pra exercitar o cão

 

Precisando ajudar seu amiguinho de quatro patas a perder uns quilinhos? Aproveita e escolhe a ração e outros itens de pet shop aqui no Magazine Luiza!

 

Saiba mais

Ah, e pra guardar a comidinha do seu animal de estimação, vale a pena contar com o porta-ração. Na matéria Porta-ração: saiba mais eu te conto!

 

Já o aplicativo MyPets – Pet Manager vai te ajudar a cuidar direitinho de todos os detalhes da saúde do seu animal! Tá disponível pra sistema operacional iOS.

 

E pra proteger seu celular durante o uso de aplicativos, conte com os serviços dos nossos parceiros!